fbpx

Mindfulness in Tech é uma das ações na nossa agenda voltada a qualidade de vida de nosso time. Dani Paes, nossa Founder and Chief People & Culture compartilha sobre o tema.

Acredito que a maneira como lidamos com os desafios e adversidades evidencia nossa trajetória de conhecimento. E vejo que cada um de nós lidou – e lida – de uma forma diferente com a atual realidade que é bem difícil e puxada por n razões.  

Mas aqui na Fohat decidimos que esse período também precisaria ser de crescimento, de evolução. Desde o início, quando o distanciamento social foi recomendado para evitar a transmissão do coronavírus, percebemos que o medo e a angústia eram sentimentos comuns em nosso time.  Por isso – e para ajudar a lidar melhor com essas sensações cada vez mais comuns – passamos a orientar uma meditação online diariamente, que batizamos de Mindfulness in Tech. Usamos o Zoom ou o Teams associado ao nosso ambiente HQ digital para a prática, como ilustrado na imagem abaixo.

Essa prática nos ajudou a criar uma conexão e manter o nosso propósito. Nós sabemos que cada um tem um problema distinto, mas nesse momento a importância de cuidar do outro foi mais forte, assim como o de fomentar o sentimento de amparo. Nossa intenção sempre vai no caminho de proporcionar acolhimento para que todos se sintam bem, seguros e a meditação em grupo é uma sólida ferramenta para isso. 

Alguns minutos por dia dedicados ao autoconhecimento são suficientes para mudar toda uma trajetória de vida. Com a atenção plena, o que você quer ou não para sua vida fica mais aparente e palpável. É possível definir as aspirações e encontrar caminhos para a realização. 

Queremos uma equipe coesa e não medimos esforços para encontrar instrumentos que auxiliem nessa construção de grupo.

Por isso, não abrimos mão de estimular a prática de meditação diária na Fohat. Acreditamos categoricamente que é um caminho para aumentar a produtividade, reduzir o absenteísmo e a rotatividade no ambiente de trabalho. Queremos uma equipe coesa e não medimos esforços para encontrar instrumentos que auxiliem nessa construção de grupo, e o mindfulness é um deles. 

Para isso é preciso, claro, que o nosso #fohacker esteja em consonância com nossos valores. O autoconhecimento não é uma jornada fácil. Nós podemos oferecer ferramentas para que cada um busque se conhecer, se compreender e se aceitar mais, buscando ou não mudanças que o indivíduo acredita ser viáveis. Entretanto, a decisão de mergulhar e abraçar essa jornada vai de cada um. Na imagem a seguir, uma #fohacker em uma prática de caminhada mindful.

A prática consistente da meditação ajuda a encarar nossas angústias, a ganhar resistência e resiliência, além de trazer diversos benefícios para saúde. Estar bem, com o corpo e a mente saudáveis, é essencial para atravessar esse momento, que ainda está longe de acabar. 

Não há como negar que a pandemia nos trouxe desafios e aprendizados. Saber como trabalhar com eles é um processo importante para o desenvolvimento. Desafios podem fechar ou abrir portas. De que lado você quer estar? 

Artigo publicado originalmente no Linkedin de Dani Paes, nossa Founder and Chief People & Culture.

fohacker

Author fohacker

More posts by fohacker

Leave a Reply

en_USEN
pt_BRPT en_USEN